ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

domingo, 15 de setembro de 2013

NOTA DE REPÚDIO EM DESFAVOR DA REPORTAGEM FEITA NO DIÁRIO DA MANHÃ SOBRE A AGRESSÃO SOFRIDA PELO EXMO SR CEL PM SÍLVIO BENEDITO ALVES – COMANDANTE DA POLÍCIA MILITAR DE GOIÁS – PMGO NO ESTÁDIO SERRA DOURADA EM 2010.

NOTA DE REPÚDIO EM DESFAVOR DA REPORTAGEM FEITA NO DIÁRIO DA MANHÃ SOBRE A AGRESSÃO SOFRIDA PELO EXMO SR CEL PM SÍLVIO BENEDITO ALVES – COMANDANTE DA POLÍCIA MILITAR DE GOIÁS – PMGO NO ESTÁDIO SERRA DOURADA EM 2010.

Em virtude da publicação no Diário da Manhã e amplamente exposta na internet, repudio veementemente aqueles que de uma forma ou de outra querem denegrir a imagem da gloriosa, honrosa e centenária Polícia Militar de Goiás – PMGO; através de atos escusos que de certa forma, atinge indiretamente, o Excelentíssimo Governador de Goiás, pré-candidato pelo PSDB à Presidência da República Federativa do Brasil no pleito eleitoral a se realizar em outubro de 2014.
Repudio veementemente, o ato brutal acontecido com a vítima da perversidade humana, Cel PM Sílvio Benedito Alves, mui digno Comandante da Polícia Militar de Goiás – PMGO, considerado por todos, o “Coronel Pacificador”.
Que no momento da perversa agressão ocorrida no Estádio Serra Dourada, a vítima Cel PM Sílvio Benedito Alves encontrava-se de folga e trajado civilmente como um simples torcedor numa partida de futebol que se realizava no Estádio Serra Dourada.
Que conheço os relevantes serviços prestados ao Estado de Goiás, à sociedade de classe e ao povo pelo Cel PM Sílvio Benedito Alves como um Oficial Superior da Polícia Militar, disciplinado e disciplinador, honesto, versátil, autêntico e trabalhador; considerado como disse antes, autor da Polícia Pacificadora no Estado de Goiás e não foi por acaso que chegou ao posto máximo da Polícia Militar de Goiás.
Que as insinuações dirigidas à pessoa do ilustre Coronel Sílvio Benedito Alves, não procedem. Trata-se de um cidadão que goza de alto prestígio junto ao Governo de Goiás, mormente tem um conceito inigualável junto aos seus colegas de pares e seus subordinados.
Prezados leitores, mormente do Diário da Manhã,
Cumpro-me o dever de informar-vos que eu sou o Soldado Padrão da Polícia Militar de Goiás e do Brasil, pois fui soldado PM “raso”, Cabo PM, 3º Sargento PM, 2º Sargento PM, 1º Sargento PM, Sub-Tenente PM e ao passar para a Reserva Remunerada, fui agraciado com o posto de 2ª Tenente PM R/R da gloriosa, honrosa e centenária Polícia Militar de Goiás – PMGO e que neste momento difícil pelo qual atravessa a corporação, não poderia deixar de fazer o meu comentário a respeito do nobre e ilustre superior e companheiro de caserna e de farda que se encontra à frente da corporação, ou seja, da Polícia Militar de Goiás – PMGO.
Gostaria de fazer um pedido às autoridades competentes, mormente no campo policial militar para que apurem a veracidade dos fatos e que o culpado e/ou os culpados sejam punidos na forma da lei e que seja feita uma retratação com urgência urgentíssima a respeito do fato acontecido e comentado no diário da manhã para que não haja mais fato que desabone o bom nome da gloriosa, honrosa e centenária Polícia Militar de Goiás- PMGO.

Goiânia-GO, 15 de setembro de 2013.

JOÃO ALVES DE SOUSA
2ª Tenente PM R/R do 2º BPM – Batalhão de Polícia Militar e de Caçadores Gama Cerqueira “O Dois de Ouro” da 
Polícia Militar de Goiás – PMGO
“O Milioito”
Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM