ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Juiz ironiza demora do CNJ em aprovar volta dele ao trabalho e posta fotos na praia

Juiz ironiza demora do CNJ em aprovar volta dele ao trabalho e posta fotos na praia

Marcelo Cesca, que ganha o salário de R$ 22 mil, se mostrou indignado com a situação
Da Redação
Atualizado em 17/02/2014 15:19:46
O juiz federal Marcelo Antonio Cesca, 33 anos, que atuava como substituto na 2ª Vara Federal do Distrito Federal, está afastado do cargo desde novembro de 2011 após ter sofrido um surto psicótico. No último dia 13, ele postou fotos no Facebook, ironizando a demora do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em aprovar a volta dele ao trabalho.

“Eu agradeço ao Conselho Nacional de Justiça por estar há 2 anos e 3 meses recebendo salário integral sem trabalhar, por ter 106 dias de férias mais 60 dias pra tirar a partir de 23/03/14, e por comemorar e bebemorar tudo isso numa quinta-feira à tarde ao lado de minha amada gata de 19 anos! Longa vida ao CNJ e à Loman [Lei Orgânica da Magistratura Nacional]!”, escreveu o juiz em um das imagens.

Marcelo aparece nas fotografias em uma praia, ao lado da namorada. Ele contou ao G1 que sofreu o surto após o médico dobrar a dose de antidepressivo que ele tomava por conta de um tratamento contra estresse pós-traumático.
Juiz afastado publicou fotos ao lado da namorada, na praia

O juiz, que ganha o salário de R$ 22 mil, se mostrou indignado com a situação. "Isso é um absurdo e me afeta por vários motivos. Primeiro, não posso legalmente exercer outra profissão. Segundo, sem trabalhar, minha saúde piora, porque afeta minha autoestima. Terceiro, não posso me promover na carreira. Quarto, falta juiz, sobram processos e eu aqui olhando para o teto”, afirmou ao G1.
Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM