ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

sábado, 15 de março de 2014

Muito bem, bandidos estão matando PM, e estão planejando mais atentados contra policiais. Primeiro, a lei regula a legítima defesa, quando a ação é imediata, e proporcional, a um a ação injusta. Defendo aqui, nesse caso excepcional, a legítima defesa preventiva, que se matem os bandidos antes desses vermes matarem policiais e inocentes, basta, e basta. PM tem que ser respeitado.



Muito bem, bandidos estão matando PM, e estão planejando mais atentados contra policiais.

Primeiro, a lei regula a legítima defesa, quando a ação é imediata, e proporcional, a um a ação injusta. Defendo aqui, nesse caso excepcional, a legítima defesa preventiva, que se matem os bandidos antes desses vermes matarem policiais e inocentes, basta, e basta.

PM tem que ser respeitado.

Há indícios de ordens estão vindo de presídios, onde traficantes estão condenados a décadas de cadeia, por homicídios, tráfico de drogas, e outros crimes hediondos, em muitos países estariam no corredor da morte, ou já teriam ido para o inferno, essa situação não pode continuar.Estão presos, mas é como estivessem livres e aí ?


Tenho o meu direito de me expressar e dar a minha opinião, mas, sinceramente, esses bandidos merecem a pena da foto abaixo, que a polícia os prenda rapidamente, e quem sabe se eles reagirem, em legítima defesa o PM não mandem ele para o inferno.

Queria ver se bandidos e traficantes se fossem enforcados na praça da Vila Cruzeiro, continuariam “valentes” ?




Bandido não pode impor o terror, bandidos não pode afrontar a PM !

Em tempo, aos políticos comunistas e socialistas que gostam de sentar no colo de bandidos e defender marginal que vão a m…

Em tempo 2, isso não é incitação ao crime, nem apologia a violência, no máximo o meu direito de defender a pena de morte.

Em tempo 3, por fim tenho o direito de me expressar, mas sou obrigado a dizer, a lei deve ser cunprida, até que um dia seja alterada, para definitivamente proteger a PM, e a sociedade.Globo
Polícia descobre plano para matar chefe de UPP e delegado do Alemão
Durante enterro do quarto policial morto em área com UPP em 30 dias, coronel da PM prometeu resposta dura contra ataques


Gustavo Goulart, com TV Globo (Email · Facebook · Twitter)
Publicado: 14/03/14 – 16h45
Atualizado: 14/03/14 – 22h44



Amigos e familiares se despdem do aspirante a oficial Leidson Acácio Alves, de 27 anos, em Sulacap Urbano Erbiste / Agência O Globo


RIO – O serviço de inteligência da Polícia Civil interceptou uma ligação entre traficantes, falando sobre um plano para assassinar o comandante da UPP do Parque Proletário, major Bruno Amaral. O Disque-Denúncia (2253-1177) também recebeu duas denúncias de que criminosos pretendem matar o titular da 45ª DP (Alemão), delegado Felipe Cury, como noticiou o “RJ-TV”, da TV Globo. De acordo com as investigações, um atirador ficaria no alto de uma laje para atirar contra o major Bruno Amaral, quando ele saísse da sede da UPP. O conteúdo da conversa foi enviado para a Secretaria de Segurança Pública e para a Polícia Militar.



Na manhã desta sexta, o secretário de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, disse que, segundo informações da inteligência da polícia, as ordens para matar policiais podem ter origem nos presídios federais.

- Existem duas situações: as ordens podem estar partindo de dentro dos presídios. Outro fator a ser levado em conta é que existem pessoas de tocaia (esperando uma oportunidade para atacar os policiais), porque a estrutura urbana das comunidades facilita isso, facilita essas ações covardes – disse.

Resposta será dura, diz comandante das UPPs

Na tarde desta sexta-feira, durante a cerimônia de sepultamento do subcomandante da UPP da Vila Cruzeiro, Leidson Acácio Alves, morto com um tiro na cabeça na noite desta quinta-feira, o coronel Frederico Caldas, comandante das UPPs, afirmou que a resposta da PM a mais um ataque de bandidos será dura. Ele afirmou que a corporação fará uma série de operações no Complexo do Alemão a partir deste sábado.

- A gente vai fazer a maior ofensiva desde que o Complexo do Alemão foi ocupado. Serão desencadeadas diversas ações que estavam previstas para a semana que vem. Isso advém da necessidade de uma demonstração de força cada vez maior, na medida em que ocorrem essas reações do tráfico. O estado vai se fazer cada vez mais presente.

Caldas reiterou que policiais mais antigos vão fazer parte do patrulhamento de áreas mais conflagradas. Cerca de 100 deles vão ser treinados pelo Batalhão de Operações Especiais (Bope) para agir nas regiões em que as UPPs estão sofrendo ataques. O comandante ressaltou as dificuldades enfrentadas.

- Óbvio que não queremos que isso se repita (morte de colegas), mas atuamos em um cenário extremamente difícil, principalmente à noite. O patrulhamento vai ser intensificado.

Quem pode ter ordenado os recentes ataques

Marcinho VP

Condenado por assassinatos e tráfico, é apontado como principal chefe da facção que controlava o Complexo do Alemão. Atualmente, está na penitenciária federal de Porto Velho (RO).

Elias Maluco

Comandava o tráfico na Vila Cruzeiro e, em 2002, determinou a morte do jornalista Tim Lopes, da TV Globo. Tem condenações por tráfico e homicídios. Também está preso em Porto Velho.

Fernandinho Beira-Mar

É apontado como um dos principais fornecedores de drogas e armas à facção que controlava o tráfico no Alemão e na Vila Cruzeiro. As condenações somam 98 anos. Também está em Porto Velho.
Be Sociable, Share! FONTE  BLOG DO RICARDO GAMA


http://ricardogama.net/?p=3261
Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM