ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Goiás é o 4º no País com mais mortes por armas de fogo Estudo da Unesco aponta um aumento de 113,7% no número de homicídios em um período de 10 anos.






Goiás é o 4º no País com mais mortes por armas de fogo

Estudo da Unesco aponta um aumento de 113,7% no número de homicídios em um período de 10 anos.

Goiás aparece em quarto entre os Estados com mais vítimas de homicídio e o sexto com mais mortes causadas por armas de fogo (aqui incluídos os acidentes). No estudo “Mortes Matadas por Armas de Fogo” divulgado hoje pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e Cultura), consta o registro de 31,7 mortes por 100 mil habitantes em Goiás em 2012, com base no Subsistema de Informação sobre Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde, que por sua vez é feito a partir nas declarações de óbitos expedidas no Brasil.

Na relação apenas dos homicídios, Goiás registrou um aumento de 113,7% em um período de 10 anos, saltando de 1.275 assassinatos em 2002 para 2.725 em 2012. Na relação por 100 mil habitantes, Goiás aparece com um índice de 44,3, atrás apenas de Alagoas (64,6), Espírito Santo (47,3) e Ceará (44,6). Em 1998, Goiás aparecia em 18º lugar com 13,4 homicídios por 100 mil habitantes.

Considerando apenas a população jovem, Goiás também aparece em quarto lugar, praticamente dobrando o índice proporcional, com 87,5 mortes por 100 mil habitantes. Fica atrás novamente apenas de Alagoas (138,3), Espírito Santo (101,7) e Ceará (94,6).

No ano passado, quando foi divulgado durante campanha eleitoral uma versão anterior do levantamento, que é atualizado a cada ano, a Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP) alegou que em 1998 havia muitos casos de homicídios que não eram notificados.

Ao todo, o levantamento aponta 42.416 mortes por armas de fogo em 2012, sendo 94,5% destas por homicídio. São 116 mortos por dia, ou 21,9 óbitos por 100 mil habitantes, segunda maior taxa desde que o estudo começou a ser feito, em 1980. O ano mais violento foi 2003, com 22,2 mortes para cada 100 mil habitantes. Considerando apenas os homicídios, 2012 foi o ano mais violento da história, considerando os dados proporcionais. (Com informações do G1)

Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM