ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

sábado, 14 de novembro de 2015

Presos golpistas que fizeram 200 vítimas Trio que veio de Brasília fazia compras no Mercado Livre com dados de clientes do site


Presos golpistas que fizeram 200 vítimas
Trio que veio de Brasília fazia compras no Mercado Livre com dados de clientes do site




Do Mais Goiás, em Goiânia Postado em: 13/11/2015 15:27

(Foto: Divulgação/WhatsApp)
Compartilhar 0



Kelson Reis Salgado, de 40 anos,Edwilson Barbosa Assunção, de 41 anos, e Leonardo de Oliveira Souza, de 40 anos, foram presos no momento em que faziam compras pela Internet com dados de outras pessoas. O trio, que segundo a polícia veio de Brasília para Aparecida de Goiânia exclusivamente para aplicar golpes fez pelo menos 200 vítimas em diferentes Estados do Brasil.

De acordo com o delegado Álvaro Melo, titular do 5º Distrito Policial de Aparecida de Goiânia, após furtar dados de usuários do Mercado Livre (site de vendas da internet), os golpistas faziam compras em nome das vítimas, mas pediam que as encomendas fossem entregues no apartamento alugado por eles na Rua Umberto de Campos, na Cidade Satélite São Luiz, em Aparecida de Goiânia.

Dentro do apartamento, os policiais encontraram tevês de led, perfumes, jóias, bijouterias, um hack e várias caixas com encomendas adquiridas esta semana pela quadrilha além de uma máquina usada para confeccionar cartões de crédito e débito que segundo o delegado custa mais de R$ 5 mil.

Até agora, pelo menos três vítimas, de Minas Gerais, do Distrito Federal, e de São Paulo já denunciaram terem sido vítimas do trio, mas Álvaro Melo afirma ter identificado outras 197 compras feitas pelo trio com dados furtados de compradores do Mercado Livre. “Nós ainda não descobrimos porque a preferência deles por este site, e vamos buscar junto com os administradores do Mercado Livre qual seria a falha que permitiu com que eles fizessem tantas compras”, relatou.


Advogados dos três presos, que segundo o delegado já se preparavam para volta à Brasília na próxima semana, entraram com um pedido na Justiça para que seus clientes não fossem apresentados à imprensa.

Kelson, Edwilson e Leonardo foram autuados em flagrante por estelionato e associação criminosa. 
fonte é mais goias
http://www.emaisgoias.com.br/2015-11-13/cidades/goiania/policia/presos-golpistas-que-fizeram-200-vitimas
Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM