ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Não bastassem os oceânicos problemas políticos que enfrenta, a Presidente Dilma Rousseff DILMA EXONERAMAIS UMGENERAL QUEOUSOU CRITICÁ-LA


Leudo Costa  Segurança Pública
DILMA EXONERAMAIS UMGENERAL QUEOUSOU CRITICÁ-LA



Não bastassem os oceânicos problemas políticos que enfrenta, a Presidente Dilma Rousseff está brincando com fogo. Ao determinar a exoneração do General de Exército José Carlos De Nardi, militar desde 1961, que estava à frente do Comando do Estado Maior das Forças Armadas, perigosamente abre mais uma trincheira inimiga dentro das FFAA. Generais quatro estrelas, Camilo, Mourão e agora De Nardi se transformam em fantasmas que assombram as noites do Palácio do Planalto.
Uma das autoridades militares ligadas à segurança dos Jogos Olímpicos de 2016, o general José Carlos De Nardi foi sacado a chefia do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, oito meses da Olimpíada no Rio.

O general do Exército De Nardi teria tido severas divergências com o ministro comunista da Defesa, Aldo Rebelo, por se posicionar contra a decisão do governo em isentar de visto alguns estrangeiros que virão ao Brasil para acompanhar os Jogos Olímpicos de 2016.


O General De Nardi viu de dentro do Exército todo o período em que os militares controlaram o país. Ele não é flagrado com frequência dando afagos e “risinhos” pra qualquer um e tem alguns posicionamentos firmes, principalmente em relação a necessidade de um satélite próprio para uso em monitoramento defesa e submarinos nucleares para a armada.

Na posse de ALDO Rebelo foi um dos poucos militares que não parecia a vontade no evento. Durante toda a cerimônia manteve o semblante sério.

Na semana passada o general De Nardi “ousou” criticar a decisão de DILMA de não vetar a liberação de vistos para qualquer um que deseje entrar no país a partir desse mês. Falava de segurança interna e externa. Foi abatido sem clemência pelos Comunistas que dirigem a Defesa do Brasil.

Quem deve assumir o cargo que pertencia ao general De Nardi, agora EXONERADO, é o Almirante Ademir Sobrinho, atendendo à pedidos dos comandantes da Marinha e Aeronáutica, que solicitavam revezamento entre as forças no cargo de Chefe do Estado Maior Conjunto.

Original/Completo em http://www.sociedademilitar.com.br/wp/2015/12/mais-um-general-critica-dilma-e-e-afastado.html
fontehttp://cristalvox.com.br/2015/12/01/dilma-exonera-mais-um-general-que-ousou-critica-la/
Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM