ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Eletricista relata tensão ao ser vítima de sequestro-relâmpago: 'Bem difícil'

Eletricista relata tensão ao ser vítima de sequestro-relâmpago: 'Bem difícil'

Homem foi abordado por criminosos enquanto trabalhava em obra, em GO.
Ele diz que ficou sob poder dos sequestradores por mais de 7h; polícia apura.

Do G1 GO
O eletricista Seide Ferreira, de 43 anos, afirma que foi vítima de um sequestro-relâmpago em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Segundo ele, os criminosos o abordaram quando ele trabalhava em uma obra e o levaram para um cativeiro, enquanto sacavam dinheiro da conta dele. Foram mais de sete horas na mira de revólveres.
“Eles pediram meus cartões para irem até o banco pegar o dinheiro que eu tinha. Aí pediram as senhas, eu falei para eles, que gritavam: ‘Não minta para nós que vai ser pior’. Nesse meio tempo, apareceu um que meu deu um chute na cabeça e disse: ‘Não mente não’. Foi bem difícil”, conta Seide.

Seide diz que não conseguiu ver o rosto dos criminosos, mas enquanto estava no cativeiro ouviu quatro vozes diferentes, sendo uma de mulher.
O eletricista foi abordado pelos sequestradores no fim da manhã de sábado (25). Ele fazia um serviço, acompanhado de um pedreiro, quando dois criminosos armados chegaram à obra e o amarraram. Ele foi levado para um local desconhecido, onde foi mantido.
Os criminosos chegaram a fazer contato com os familiares da vítima, que pagaram resgate, mas ainda assim ele não foi liberado. Isso só aconteceu depois das 19h30 de sábado. Apesar do susto, Seide não ficou ferido e passa bem.
A Polícia Civil investiga o caso e informou que suspeita que uma quadrilha seja a responsável pelo sequestro-relâmpago. Não há informações sobre a quantia que foi roubada da vítima. Até a manhã desta segunda-feira (25), ninguém havia sido preso.
Eletricista Seide Ferreira, 43, diz que ficou 7h sob poder de sequestradores, em Luziânia, Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)Seide diz que ficou mais de 7h sob poder de sequestradores, em Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)


Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM