ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Radialista é preso suspeito de torturar e matar homem em Anápolis; vídeo Outros dois jovens que participaram do crime já haviam sido presos. Trio gravou quando vítima era agredida e implorava por perdão; assista.


Radialista é preso suspeito de torturar e matar homem em Anápolis; vídeo
Outros dois jovens que participaram do crime já haviam sido presos.
Trio gravou quando vítima era agredida e implorava por perdão; assista.




Do G1 GO
FACEBOOK

O radialista Ivo de Jesus, de 39 anos, foi detido nesta quarta-feira (13) suspeito de participar da morte de um homem identificado apenas como "Uberlândia", em Anápolis, a 55 km de Goiânia. O preso aparece em um vídeo que mostra a vítima sendo torturada, implorando por perdão (veja acima). Outras duas pessoas que aparecem na gravação já foram detidas.

O crime aconteceu no sábado (9), mas o corpo da vítima só foi encontrado dois dias depois, próximo à GO-222. A polícia informou que o responsável pela tortura é Marcos Alves Vilaça Borges, de 21 anos. Ele estava acompanhando de David Santos de Faria, de 19 anos, apontado pela polícia com autor do homicídio, e de Ivo, que dirigia o automóvel.


Já o radialista foi localizado nesta manhã na quitinete em que mora com a mulher, no Setor Vila Jaiara. A equipe teve de arrombar a porta do local para prendê-lo.Marcos e David haviam sido presos na segunda-feira (11). Na ocasião, eles confessaram o crime.

No imóvel, os policiais apreenderam o automóvel de Ivo. Os investigadores acreditam que se trata do veículo usado no crime. “A placa confere, agora só falta uma perícia complementar para identificar sangue”, disse o delegado responsável pelo caso, Daniel Nunes.

Durante depoimento à Polícia Civil, eles disseram que mataram "Uberlândia" por ele ter roubado o celular e R$ 300 de Marcos. A frieza e a crueldade dos suspeitos surpreenderam a polícia.

“Em nenhum momento nós vimos arrependimento ou qualquer medo. A verdade é que eles pegaram o indivíduo, torturaram para que ele confessasse que havia subtraído alguns objetos do traficante e em nenhum momento a vítima confessou”, contou o delegado.

Para a polícia, não há dúvidas sobre o caso. “A autoria está totalmente esclarecida pela Polícia Civil. A motivação do crime também está resolvida”, destacou Nunes.
Vítima é torturada e morta em Anápolis (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM