ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

segunda-feira, 4 de abril de 2016

Cinco suspeitos morrem em troca de tiros com a polícia, em Goiânia

Cinco suspeitos morrem em troca de tiros com a polícia, em Goiânia

Segundo PM, eles teriam elo com tentativa de homicídio de moradores de rua.
Com eles foram encontradas submetralhadoras, pistolas e várias munições.

Vitor SantanaDo G1 GO
Armas apreendidas com suspeitos mortos em tiroteio com a Rotam em Goiânia, Goiás (Foto: Divulgação/PM)Armas apreendidas com suspeitos mortos em tiroteio com a Rotam, em Goiânia (Foto: Divulgação/PM)
Cinco homens morreram na noite de sábado (2) após uma troca de tiros com policiais das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam) no setor Norte Ferroviário, em Goiânia. De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Militar, eles são suspeitos de tentar matar quatro moradores de rua no Centro. Apenas um adolescente de 17 anos foi identificado.
Segundo a polícia, a corporação recebeu uma denúncia de que o grupo estava próximo ao cemitério Jardim das Palmeiras. A corporação informou que quando a Rotam chegou ao local, o grupo começou a atirar contra os agentes, que revidaram.
Os suspeitos foram atingidos e chegaram a ser socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiram e morreram. Nenhum polícia ficou ferido no confronto.
Com o grupo foram encontradas duas submetralhadoras, duas pistolas, um revolver e várias munições.
Moradores de rua
Os suspeitos mortos pela PM são suspeitos de atirar contra quatro moradores de rua, sendo dois homens e duas mulheres, na sexta-feira (1º), no Centro. Eles caminhavam na rua quando foram atingidos.
Três dos baleados foram encaminhados ao Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo). Segundo a unidade de saúde, Silvonete Teófila Barbosa, 33 anos, recebeu alta hospitalar na tarde de sábado (3).
O marido dela, Thiago Miranda Barbosa, 30, e o cunhado, Caio Francis Barbosa, 27, passaram por cirurgias e estão internados em estado regular.
Testemunhas relataram que a outra mulher levou um tiro de raspão. Ela se recusou a receber atendimento médico.
De acordo com a PM, dos moradores baleados, três deles já tinham passagem pela polícia por roubo e tráfico de drogas.

 
Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM