ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Postos de combustíveis são autuados por suspeita de fraude Eles são suspeitos de entregar combustível abaixo do que foi pago, em Goiás. Polícia Civil e Procon-GO identificaram 6 estabelecimentos fora das normas.


Postos de combustíveis são autuados por suspeita de fraude
Eles são suspeitos de entregar combustível abaixo do que foi pago, em Goiás.
Polícia Civil e Procon-GO identificaram 6 estabelecimentos fora das normas.
Do G1 GO
Dispositivos encontrados em bombas de combustíveis vão ser periciados, em Goiás (Foto: Divulgação/Procon-GO)Dispositivos encontrados em bombas de combustíveis vão ser periciados (Foto: Divulgação/Procon-GO)












A Polícia Civil e a Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon-GO) auturam seis postos de combustíveis suspeitos de usar dispositivos para fraudar a quantidade de combustíveis colocada no tanque dos veículos, em Goiânia e outras 4 cidades do interior do estado. De acordo com o Procon, alguns estabelecimentos tiveram as bombas de abastecimento interditada.

A Operação deflagrada ao longo desta semana, fiscalizou 11 postos na capital, em Hidrolândia, Senador Canedo, na Região Metropolitana de Goiânia, Goiatuba e Itumbiara, no sul do estado. Em alguns dos estabelecimentos foram encontradas peças inseridas dentro da bomba para fraudar a venda, informando ao consumidor uma quantidade maior do que a de fato abastecida no veículo.

Em um posto de Goiânia foi constatado o vício de quantidade, quando a quantidade indicativa na bomba é superior à que de fato foi repassada ao consumidor. Em um estabelecimento
 Itumbiara, o Procon  interditou todas as bombas após encontrar acessórios considerados “corpos estranhos” ao sistema de medição das bombas.Segundo o órgão, foram identificadas seis infrações ao Código de Defesa do Consumidor (CDC): Vício de quantidade, produtos expostos ao consumidor sem seus respectivos preços, falta de informações quanto ao número de telefone do Procon Goiás, falta de cartaz relacionado a lei do troco e informação errada quanto a origem dos produtos.
Pelo mesmo motivo foram autuados outros três postos, dois em Goiânia e um Senador Canedo, onde foram encontrados dispositivos dentro das bombas de abastecimento.
De acordo com o Procon, os objetos foram apreendidos e vão ser analisados pela Polícia Técnico Científica. Todos os postos onde foram encontradas irregularidades foram autuados administrativamente e, caso seja comprovada a fraude, podem sofrer processos criminais.
Alguns postos tiveram as bombas de combustíveis interditadas, em Goiás (Foto: Divulgação/Procon-GO)Alguns postos tiveram as bombas de combustíveis interditadas  (Foto: Divulgação/Procon-GO)
Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM