ANUNCIE SUA EMPRESA AQUI

OBRIGADO POR VOSSA VISITA***

sexta-feira, 30 de junho de 2017

Manifestantes protestam em Goiânia contra reformas do governo Temer


Manifestantes protestam em Goiânia contra reformas do governo Temer

Cerca de 3,5 mil pessoas participaram do ato, segundo organizadores. Durante a madrugada, integrantes de centrais sindicais impediram circulação no Eixo Anhanguera por cerca de 5h.

Por Sílvio Túlio, Murillo Velasco e Paula Resende, G1 GO





Manifestantes protestam em Goiânia contra reformas do governo Temer



Manifestantes protestaram em Goiânia nesta sexta-feira (30) pedindo a saída do presidente da República, Michel Temer (PMDB), e se posicionando contra as reformas Trabalhista e da Previdência. Segundo a organização, o protesto reuniu 3,5 mil pessoas. Já a Polícia Militar acompanhou o ato, mas não informou a quantidade de manifestantes.


Durante a madrugada, integrantes de centrais sindicais bloquearam a garagem da Metrobus e impediram a circulação dos ônibus do Eixo Anhanguera. A circulação só foi normalizada cerca de 5 horas depois.


Mais tarde, por volta das 8h30, os manifestantes seguiram para a Praça Cívica. Cerca de três horas depois, eles saíram em caminhada pela Avenida Goiás. Em seguida, caminharam para a Praça do Trabalhador, que fica no cuzamento da via com a Avenida Anhanguera, onde encerraram o protesto por volta das 12h30.



Grupo caminha pelas ruas de Goiânia em protesto (Foto: Sílvio Túlio/G1)



Manifestantes pedem a saída do presidente da República, Michel Temer (Foto: Sílvio Túlio/G1)


Paralisação de ônibus

Um funcionário da Metrobus informou ao G1 que o grupo chegou à garagem por volta das 2h45 e bloqueou o portão. Diante disso, os veículos, que deveriam começar a sair a partir das 3h30, seguiram parados no pátio até as 8h20, quando o local foi liberado pelos manifestantes.


Conforme a assessoria de imprensa da Metrobus, ao menos 98 ônibus deveriam ter saído no início da madrugada - a frota tem 135 veículos. Por dia, mais de 200 mil passageiros utilizam o Eixo Anhanguera.


A Metrobus também informou, em nota, que "todas as linhas serão normalizadas para atender a população que usa o Eixo Anhanguera e suas extensões". A concessionária disse ainda que "respeita o direito de livre manifestação e trabalha para que a liberdade de ir e vir do cidadão não seja cerceada"


A Polícia Militar acompanhou o ato em frente à Metrobus, que se encerrou de forma pacífica. Ainda não há estimativa de quantas pessoas participaram do movimento no local.


Quer saber mais notícias de todo o estado? Acesse o G1 Goiás.





Manifestantes impedem ônibus do Eixo Anhanguera de circular em Goiânia



Manifestantes impedem ônibus do Eixo Anhanguera de circular em Goiânia (Foto: Thaís Luquesi/TV Anhanguera)




Ônibus foram impedidos de sair da garagem da Metrobus, em Goiânia (Foto: Thaís Luquesi/TV Anhanguera)

GOIÂNIA
FONTE G1
Postar um comentário

AS MAIS DOS ULTIMOS 30 DIAS

FOTOS ON LINE

ACIOLLYVERSATIL@HOTMAIL.COM